“Meu filho tem dislexia e agora?”